sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

A foto, o futuro e a saudade

 - Quando você estiver no último ano do colegial, olhe essa foto. - Foi uma das últimas frases que ouvi da sua boca. 
 Meus olhos se encheram de água, e eu apenas sorri, para disfarçar. Passei a tarde inteira chorando, eu não queria que você partisse, mas, o seu futuro estava começando, a sua hora de entrar na universidade havia chegado, e eu era apenas uma garota começando o ginásio.
 Passei meses com aquela frase em minha cabeça, acreditava que passaria anos contando ansiosamente para falar com você que havia chegado no fim do colegial, e, falar que tinha visto a nossa foto. Sempre imaginei como seria esse dia, como eu estaria, e onde você estaria ao ler esse texto, imaginei você, ao fim do dia, após mais um dia estressante de trabalho, você abriria o seu e-mail e, a sua esposa o interromperia para avisar que o jantar já estava pronto.
 Mas, não foi bem assim, o tempo passou mais rápido do que pensei, e, hoje entre uma fórmula de Matemática e um professor falando sobre vestibular, lembrei dessa fase, queria realmente ver a nossa foto, mas, ela se foi quando meu computador deu um treco.
 Lembro exatamente de cada detalhe daquela foto e do que senti naquele dia. Daqui a alguns meses, eu terei que partir, não sei como você está, nem se te enviarei esse texto, só queria te dizer que, a minha vez chegou , e sinto falta daquele tempo.

3 comentários:

  1. Achei fantástico Bruna! Me lembrou Lispector com obras atemporais. Gostei do jeito como passado, presente e futuro, outrora distantes, convergem sob o mesmo retrato, ou melhor, foto. Me contrate depois para ser crítico de seus livros hehehe. Do jeito que você tem boas idéias... Prometo que vou falar bem e desculpe a audácia de sair comentando desse jeito. É simplesmente por motivo de profunda admiração. Bj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não precisa se desculpar, pode comentar todos, eu deixo hahaha Fico feliz por lembrar da maravilhosa Lispector, para mim é uma honra. Obrigada pelo carinho e pela admiração. Beijos!

      Excluir
    2. Não precisa se desculpar, pode comentar todos, eu deixo hahaha Fico feliz por lembrar da maravilhosa Lispector, para mim é uma honra. Obrigada pelo carinho e pela admiração. Beijos!

      Excluir