domingo, 27 de julho de 2014

Sem você


Estava sozinha naquela casa que embora fosse estranha me soava familiar. Eu entrava e saia em cada cômodo, procurando uma reposta, mas de repente você apareceu em minha frente, as batidas do meu coração aceleraram, minhas mãos começaram a suar e as borboletas voltaram a voar em meus estômago. Fiquei paralisada. Então você me abriu aquele sorriso, o único, entre inúmeros que me traz a paz e a cura para todos os meus problemas.
- O que você está fazendo aqui? - Foram as palavras que saíram da minha boca. 
 Minha cabeça começou a latejar, então, corri para outro cômodo da casa, sentei ao chão, e, abraçada com as minhas pernas comecei a chorar. Eu não queria que aquilo estivesse acontecendo, não queria tê-lo pela metade, não queria me sentir mal por estar com ele. Eu queria que fosse mágico, que as coisas fluíssem bem, que tudo fosse diferente. Ainda com a cabeça baixa, senti alguém se aproximar. Só poderia ser ele. E era. 
- Por que você está chorando? Calma, eu estou aqui e tudo vai ficar bem. 
- Depois de tudo que você me fez, vem com essa pergunta? Eu poderia te responder, mas eu passaria dias tentando, por sua causa nos últimos meses eu venho me destruindo cada vez mais. Não consigo sair de casa, por mais que eu tente, não sei mais o que responder aos meus amigos quando eles me chamam para sair, as pessoas na rua sabem de tudo que você vem fazendo, e sabem, que no fundo, o meu sorriso é por educação. Você se foi e levou minha vontade de viver junto. 
- Mas eu vim para ficar, me desculpa por tudo que eu te fiz. Eu te amo! 
- Me conta outra piada, por favor, para de me iludir!
 E antes que eu dissesse mais uma coisa, você me puxou pela cintura e me beijou.
"I could stay awake just to hear breathing..."
 A nossa música começou a tocar. Droga. Era o meu despertador só para lembrar que tudo não se passava de um sonho, e hoje era mais um dia sem você.

4 comentários:

  1. Arrasou como sempre abiga, quero mais ♥

    ResponderExcluir
  2. Nossa que lindo e profundo, amei
    Beijos
    http://segredosdacahlima.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Olha eu aqui comentando de novo hehe. É só pra dizer que achei fantástico. Começo ae identificar mais ainda com seus textos. Escrevi algo parecido com isso certa vez, certo tempo atrás. Afinal, quantas vezes não sonhamos acordados com algumas de nossas vontades? Sua escrita profunda dá um toque especial. Lindo!! Até o próximo comentário... ;)

    ResponderExcluir