quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

Resenhas: "O diário de Bridget Jones" e "Nunca fui beijada"

                                                          ♥O diário de Bridget Jones♥

Dirigido por Sharon Maquire, "O diário de Bridget Jones" é um filme de comédia romântica, tem duração de 1 hora e 34 minutos, tem como protagonistas Renée Zellweger, Gemma Jones e Hugh Grant. Bridget Jones é uma mulher com 30 e poucos anos que, em pleno Ano Novo, decide que já está na hora de pôr controle em sua vida, dando início a um diário. Com isso, Bridget começa a escrever o livro mais provocativo, erótico e histérico que se possa imaginar. A trilha sonora é maravilhosa, o elenco é de primeira, e as cenas Britânicas, com direito a neve e clima Natalino, são encantadoras. A classificação indicativa é de 14 anos.

                                                             ♥Nunca fui beijada♥

Dirigido por Raja Gosnell, "Nunca fui beijada" é também uma comédia romântica, com a duração de 1 hora e 47 minutos, tendo como personagens principais Drew Barrymore, Michael Vartan e David Arquette. O filme conta a história de Josie Geller, que tem apenas 25 anos mas já é uma das editoras de um jornal famoso, o Chicago Sun Times. Ela é muito boa no que faz, mas, seu chefe, quer que ela se disfarce de estudante, e faça uma reportagem investigativa sobre o que acontece no estudantil. Ao receber a notícia, fica bastante empolgada, porém, depois ela lembra de como era no colégio (impopular), e fica preocupada, pois, se ela não conseguir se aproximar dos alunos, não conseguirá sua matéria e perderá o emprego. Josie precisa bolar um plano urgentemente, pois está sendo pressionada no jornal, e seu tempo de entregar a matéria, está diminuindo. 
Eu estava vendo uma lista de filmes, quando encontrei esse, li o resmo, e gostei, baixei e deletei sem querer, estava de plano assisti-lo hoje à tarde. Foi quando eu liguei a televisão e vi que iria passar na Sessão da Tarde, eu simplesmente adorei o filme, e recomendo! A classificação indicativa é de 12 anos.

terça-feira, 25 de dezembro de 2012

Resenha: Depois dos quinze

Foto por Melina Souza
 Livro de crônicas e contos escrito por Bruna Vieira, dona do blog Depois dos Quinze, nascida em 1994, na cidade de Leopoldina, no interior de Minas Gerais, Bruna faz sucesso com o seu blog e agora, escritora, terminou o Ensino Médio como técnica informática industrial, e, após dois meses foi morar em São Paulo, em busca dos seus maiores sonhos. Isso tudo começou há um tempinho atrás, quando tinha 15 anos, criou um blog para desabafar e fugir da realidade. Porém ela não esperava que essa simples página na internet mudaria totalmente sua realidade.
Na verdade, o livro é a junção de várias crônicas e contos escritos pela Bruna, em todo esse tempo, alguns que até já vimos no blog dela, outros inéditos. Com páginas amareladas, fonte adorável, a capa mais linda do mundo e no meio do livro, há algumas fotos e frases da Bruna. Adorei cada palavra do livro, é simplesmente perfeito como eu imaginei, li o livro em menos de dois dias e confesso que agora é um dos meus livros favoritos. Indico à todas vocês, que gostam dos livros da Paula Pimenta e da Meg Cabot, com certeza irá se encantar com as histórias da Bruna Vieira. 

domingo, 23 de dezembro de 2012

Dois anos

Dois anos. Dois anos se passaram. E o que sinto por você, não. Ainda te encontro no meio das minhas músicas prediletas, ainda encontro a nossa história em meus livros. Não sei o que dói mais, se é você estar tão distante de mim, ou porque nunca fui sua. Nunca serei. Eu ainda espero por você, você ainda é  o meu primeiro pensamentos todos os dias quando acordo. Você é uma das melhores pessoas que já passaram em minha vida. Você se foi, levando também uma parte de mim. Eu te odeio com todo o meu amor. E te amo com todo meu ódio. Eu queria um abraço seu, eu queria ser sua. Somente sua. Sonho com os seus beijos, sonho com você. Eu quero você. Você fique sabendo que independente de tudo, você será eternizado em minhas memórias. Porque sentimentos nunca morrem, apenas mudam.

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

Resenha: Amanhecer parte 2

 Finalmente assisti Amanhecer parte 2, o filme que eu espero desde o dia 15.12.2012, quando assisti a parte 1. Eu esperei ansiosamente cada dia, reli o livros umas vinte vezes até que chegou o esperado dia. O dia em que eu iria assistir o melhor filme da saga, o último da saga, mas que para mim, é apenas um início da eternidade. Eu quero assistir à saga inteira milhares de vezes até ficar velhinha, assisti com o amor da minha vida, com meus filhos, com meus netos, meus filhos e netos lerão Crepúsculo. Acompanho a saga desde o início, lembro que tudo começou quando eu tinha apenas 10 anos, via as meninas do Ensino Médio lerem, e então eu falei pro meu pai que eu queria ler "Crespulo", ele riu, e me disse "Não é Crespulo não, Bruna, é Crepúsculo", acredito que ele nem se lembre disso, mas foi ai que essa minha paixão teve início. Ele comprou o livro para mim, e eu devorei rapidamente, e assim aconteceu com todos os livros da saga, cada filme para mim era uma emoção e tanta. 
A saga Crepúsculo marcou minha infância, minha pré adolescência e o início da minha adolescência que é esta fase que estou passando (embora eu ainda me considere uma eterna criança). Ontem não foi diferente, acordei cedo, vesti uma das minhas roupas favoritas e fui para Feira de Santana assistir, fiquei muito ansiosa pro cinema abrir, quando abriu, comprei logo o ingresso, por um lado eu estava triste, enfim, era o último por outro lado muito feliz, pois, como eu disse no parágrafo acima: É apenas o início da eternidade. 
Entrei na sala com um aperto no coração, com frio na barriga, e parece que aquela sala não iria escurecer nunca, para o melhor filme da minha vida começar, os traillers pareciam que não iriam mais acabar, devorei a pipoca em um piscar de olhos, as pessoas ao meu redor riam, conversavam, mas eu não desgrudava meu olhar da tela, muito menos desviava minha atenção para ouvir coisas fúteis. Quando finalmente o filme começou, valeu a espera, o filme é realmente como eu esperei todo esse tempo, me emocionei com todas as cenas, me emocionei em saber que cresci assistindo tudo aquilo. Foram os melhores 115 minutos da minha vida, assistirei novamente esse filmes várias vezes, até eu ficar velhinha, com a pele encolhida, de Janeiro à Janeiro, até o mundo se acabar. Valeu à pena cada sorriso, cada lágrima, cada suspiro por Jacob, valeu a pena tudo, todos esses momentos estão eternizados em minha memória. 

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

Resenha: 500 dias com ela

Dirigido por Marc Webb, 500 dias com ela, é uma comédia romântica muito diferente das quais costumamos assistir, esse filme é diferente pela proposta da história, principalmente pela forma que ela é contada, aos atores (Zooey Deschanel, Joseph Gordon-Levitt, Chloe Moretz, Geoffrey Arend) por mostrarem uma certa ingenuidade, porém com um toque sensível e divertido, além da bela trilha sonora. São esses aspectos que tornam "500 dias com ela", um filme que dá vontade te assistir várias vezes mesmo sabendo a história. 
A história começa quando Tom (Joseph Gordon-Levitt) está em uma reunião de trabalho quando ele apresenta sua nova assistente, Summer (a fofa da Zooey Deschanel). Tom de imediato, fica impressionado com a beleza da Summer, o que faz com que ele tente realizar algum tipo de contato com a moça. Sua chance surge quando seu melhor amigo, o convida para ir em um karaokê, onde todos os colegas de trabalho costumam frequentar. É neste karaokê, que Tom encontra a Summer, eles também cantam e tem uma boa conversa sobre o amor, e é a partir dai que dão início à um relacionamento. 

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Meme: Oito

 Olá, hoje tem um meme aqui. Desculpem a demora de atualizar, nessas últimas duas semanas, tem sido um tempo muito corrido para mim, mas, encontrei um tempinho vago, aproveitei que fui indicada pela Beatriz Gomes do blog Indo para London, para atualizar o blog. Mas, com fé em Deus, saio de férias nessa Sexta, então irei ler e assistir bastante para aumentar a quantidade de resenhas aqui no blog, e, em férias sempre sinto saudades das pessoas e isso me rende textos enormes e cheios de emoção. Então, vou parar de blábláblá e começar o meme. 


Regras:

1° Colocar o link de quem te indicou;

2° Responder as 8 Perguntas;

3° Indicar 8 blogs para fazer o mesmo;

As perguntas:

1- Se você pudesse escolher um país para viajar, qual escolheria?

R: França, mas de preferência, Paris. ♥
2-Qual a coisa que mais gosta de comer?
R: Chocolate.
3 - Uma dica para ter um blog com sucesso?
R: Eu não sou uma pessoa que tem um blog que recebe várias visitas ao dia, recebo algumas visitas e sou feliz por isso, mas, meu blog é pouco conhecido, de começo, só acessava eu e minha melhor amiga, mas de um tempo para cá, meu blog tem recebido muitas visitas. E sabe meu conselho para isso? Simplesmente faça seu blog por amor, faça sem intenção de ganhar algo em troca. Esse é o segredo.
4 - Qual a última coisa que comeu?
R: Trufa de Avelã
5 - Letra preferida.
R: B
6 - Porque você criou um blog?
R: Na verdade, eu comecei a escrever umas bobagens em 2009 (em outro blog), eu era muito sem noção (vocês podem perceber olhando velhas postagens), então, em 2010 eu me apaixonei pela primeira vez, e descobri que a minha paixão não era um cara, e sim, palavras, minha verdadeira paixão é escrever. Então, hoje eu posto meus textos para desabafar, para não morrer engasgada, e resenhas de filmes, livros, para compartilhar com minhas poucas leitoras, mas que, considero como amigas.
7 - Onde você mora?
R: Interior da Bahia.
8 - Gosta de que tipo de filme?
R: Romance.


Eu não vou indicar 8 blogs, porque não sei exatamente quais indicar. Porém, ás 8 primeiras á comentar, serão, automaticamente indicadas á responder esse meme. Beijo, e bom resto de semana para vocês! 
Obs: Foto estranha tirada por mim :)

sábado, 1 de dezembro de 2012

Fim do mundo

Essa coisa de que o mundo vai acabar dia 21 de Dezembro de 2012 é balela. O fim do mundo são pais matando filhos, filhos matando pais. É a violência em Santa Catarina. É o goleiro que planeja o assassinato da mãe do próprio filho. É a mulher matando o marido, cortando os pedaços do marido e jogar dentro de uma mala. É a mulher que mata um cachorro à pauladas. São esses ataques terroristas que os jornais anunciam todos os dias, não sei bem a causa, mas morrem vários inocentes. É o aluno que desrespeita o professor. É menina de 15 anos com filho para criar. São adolescentes que matam o colega. É o ladrão que é tratado na prisão como se estivesse em um hotel de luxo. É quem ainda continua jogando lixo na rua. É o político que promete melhorias mas rouba na maior cara de pau. Então, o fim do mundo é todo o dia.