quinta-feira, 15 de março de 2012

Dói.

Dói te ver tão de perto e não poder te tocar. Dói ver você abraçando as outras garotas. Dói saber que um dia você irá partir. Dói saber que pra você não passo de apenas mais uma garota, sendo que você, para mim, é tudo. Dói acordar e saber que você não está do meu lado. Dói adormecer chorando por tua causa, e saber que você está dormindo tranquilamente. Dói desejar teus beijos, teus abraços, o seu cheiro na minha roupa e não pode achar. Dói ser zombada por te amar. Dói amar você desta forma. Dói. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário