segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Será o fim?


O amor que eu sentia (ou talvez ainda sinto) por você era tão grande, tão intenso e tão profundo, jurei que duraria a eternidade, minha maior vontade era estar em seus braços, me aconchegar no seu colo, me esquentar em teu abraço, eu só pensava em você, só que do nada, esse sentimento está me parecendo tão longe, acredito que tudo entre nós tenha acabado, em que curva foi que me perdi? Onde foi que meu amor fracassou? Seu corpo já não me faz mas falta, seus beijos, não os desejo mais, tudo que estou sentindo agora e está me deixando triste é um vazio imenso no meu peito de um amor que talvez não mais exista. Sinto uma angústia por dentro, um tristeza que parece ser infinita, a possível morte de um sentimento, uma coisa muito ruim.

Um comentário:

  1. As vezes o que sentimos agora e nos parece durar a vida toda, não passa de uma ilusão momentânea.
    Não que algumas ilusões não sejam boas!

    Bonito texto!

    ResponderExcluir