domingo, 11 de setembro de 2011

O menino da casa ao lado - Capítulo 1


Um dia eu estava com minha melhor amiga, a Hanna, no jardim da minha casa conversando, quando, de repente, parou um carro na casa ao lado. Eram os novos moradores, minha mãe já tinha me avisado, e então do carro desceu o Mateus, o cara que eu sou apaixonada desde o início do ano, e ele nunca me olhou, nunca percebeu o quanto eu amo ele.

- Pietra, olha só quem é o seu novo vizinho... -Disse a Hanna
- Meu Deus...
- Agora será sua chance de contar tudo para ele...
- Espero que tudo dê certo.

No outro dia de manhã, me arrumei para ir ao colégio, eu estudo em outra cidade, há 20 km da minha, e era lá onde eu e o Mateus estudávamos, quando eu estava fechando o portão, eu o vi, olhando para todos os lados da rua, e veio em minha direção (coisa que ele nunca havia feito antes), minhas pernas ficaram bambas, mas eu tentei agir naturalmente.

- Bom Dia!
- B-bom dia! - Eu disse, gaguejando.
-Você sabe me dizer aonde é que eu pego o ônibus que me levará até o colégio? Parece que você também vai para lá...
- Sim, eu estou indo.
- Posso ir com você?
- Sim.

Fomos o caminho todo sem dar uma palavra, chegando no ônibus, a Hanna ficou olhando para nós dois, e sorriu. Eu sentei do lado dela, e ela me perguntou bem baixinho:

- Você contou para ele, não é?
- Não, claro que não.
- Então trate de falar logo, não aguento mais ver vocês assim, eu quero ver vocês dois juntinhos!
- Em breve falarei!

E então se passou uma semana, e eu cada vez mais apaixonada por ele, e ele, não percebia. Eu não fazia questão de falar, e a Hanna, me pressionando para contar. Até que um dia, eu estava vindo da rua, sozinha, e ele me chamou.

- Oi, seu nome é Pietra, não é?
- Sim.
- Vai fazer o que hoje a noite?
- Hoje a noite... nada.
- Você quer sair comigo?
- Quero.
- Me encontre aqui ás 20:00. Beleza?
- Beleza.

E então eu fui sorrindo feito boba, e quando eu cheguei em casa, pedi permissão a minha mãe para sair.

Continua!

7 comentários:

  1. Aii termina logo isso, quero sabe o final da historia KKKK

    ResponderExcluir
  2. Meu deus quem não sabe que ele vai disse que gosta dela ou que vai se apaixonar por ela *-* Tolice isso

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Primeiramente, eu não estou te obrigando a ler porra nenhuma aqui, leu porque quis, não te pedi, problema seu se não gostou. Não vivo pra agradar ninguém. E em segundo, tu é que acha que o final será assim, o final é como eu quero, se ele vai se apaixonar ou não por ela cabe a mim, a dizer. A história é minha, o blog é meu e eu faço o que bem entender. Ok gato(a)? Passar bem.

      Excluir
  3. bruna termina logo essa história porra

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Educação mandou lembrança,querido(a). Lembre-se também da pontuação e que nomes próprios começam sempre com letra maiúscula.

      Excluir